A força jovem

Pai




Murilo praticamente nasceu dentro dos estúdios Cíntia Fotografias e hoje é sócio do pai, Fabrício Ribeiro; mudança administrativa coloca a empresa em uma nova fase

Angelo Franchini Neto

Quem aí nunca ouviu aquela frase “de pai para filho”. Na Cíntia Fotografias, essa velha frase nunca esteve tão presente! É que Murilo Ribeiro da Silva acaba de se tornar sócio da empresa ao lado do pai, Fabrício Ribeiro da Silva. Um desafio enorme que o jovem de 19 anos vem tirando de letra.

O amor pela Cíntia Fotografias vem de berço, afinal, Murilo praticamente nasceu dentro da empresa. “Fui o primeiro modelo fotográfico dos meus pais”, brinca o jovem. “Eles improvisavam alguns cenários dentro de casa mesmo, em um estúdio bem diferente do que temos hoje”. O tempo passou, a Cíntia Fotografias cresceu (assim como Murilo) e novos desafios foram lançados. “Aos oito anos de idade, eu peguei uma câmera digital e fiz algumas fotos do casamento da minha professora da época. E acredite se quiser, ela escolheu uma das minhas fotos para o álbum. Fiquei extremamente satisfeito com aquele momento”.



Não demorou muito para que Murilo logo enfrentasse a rotina de ensaios fotográficos dentro e fora do estúdio. Recentemente, se tornou sócio do pai, de papel passado e tudo mais. “Eu sempre soube que a empresa também era minha, mas não era oficial. Agora, existem vários documentos que nós dois temos que assinar”, ressalta, com os olhos brilhando.


Ele é a minha melhor versão

Quando questionado sobre a capacidade do filho em administrar o negócio, Fabrício é só elogios.

“O Murilo entendeu facilmente que, mesmo sendo sócio da empresa, ele tem que ter o meu respal-do em tudo. Sem contar que muitos funcionários ainda não o enxergam como sócio. Isso leva um tempo, pois somente com responsabilidade e sabedoria é possível conquistar a confiança do outro”.

A juventude de Murilo leva à Cíntia Fotografias um combustível a mais para o dia a dia. “Ele sempre traz novas ideias, e aí está a maior semelhança entre nós dois. Sempre tive essa curiosidade por tecnologia, fui atrás de equipamentos de ponta para que nossos clientes possam sempre ter o melhor. O Murilo pensa da mesma forma. É por isso que eu o vejo como um espelho de mim próprio, a minha versão atualizada”, finaliza Fabrício.